Assine VOCÊ RH por R$2,00/semana
Imagem Blog

Isis Borge

Executive Director Talenses & Managing Partner Talenses Group
Continua após publicidade

O candidato à vaga também deve entrevistar seu potencial empregador

Nada de timidez. O profissional precisa saber para onde está indo e demonstrar interesse pela empresa. Assim também se destaca na entrevista de emprego.

Por Isis Borge, colunista de VOCÊ RH
10 jun 2024, 18h40

No Brasil, temos 9,1 milhões de pessoas desempregadas, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em abril deste ano, foi registrada taxa de desocupação de 8,5% na Pesquisa Mensal de Emprego (PME). Entre essas pessoas que não conseguem uma recolocação, noto que algumas falham no seguinte quesito: não entrevistam a empresa que as está entrevistando.

Considero isso um equívoco porque passamos a maior parte do nosso tempo em atividades relacionadas ao trabalho, em contato com gestores, pares e equipes, seja no modelo presencial ou remoto. É, então, um direito do candidato ter informações para poder concluir com mais precisão qual será o ambiente de trabalho, a segurança durante a jornada dentro da empresa, o escopo da vaga e o dia a dia à frente do cargo.

Recomendo, apenas, um ponto de atenção: antes de iniciar os questionamentos, garanta que a empresa esteja interessada em te considerar uma pessoa apta a concorrer à vaga. Não inicie o bate-papo já fazendo perguntas. Deixe o entrevistador conduzir a conversa e, ao final, peça a palavra e esclareça suas dúvidas.

Aqui vão algumas sugestões de questionamentos que você pode fazer:

  • Por que a vaga está aberta? É uma posição nova? Alguém foi desligado ou saiu espontaneamente? Alguém está na cadeira e vai se movimentar internamente por expatriação, promoção ou job rotation? Alguém está na cadeira e vai ser desligado?
  • Qual é a missão de quem ocupa a vaga? O que esperam dessa pessoa? Já existe definição de projetos no curto, médio e longo prazo?
  • Qual é a visão da alta liderança para o futuro? Quais planos podem ser divulgados?
  • Qual é a rotatividade da empresa? Em geral, por que as pessoas pedem demissão?
  • Quais são as perspectivas de crescimento da organização no médio e longo prazo?
  • Quais são os compromissos e as ações da empresa com os temas ESG e diversidade e inclusão?
  • O que o gestor da vaga valoriza em termos de competências e entregas?
  • Geralmente, o que as pessoas mais gostam na cultura da organização?
  • Como está a motivação e o engajamento do time do departamento?
  • O que está atrelado à avaliação de desempenho da função?
  • Em geral, qual é o perfil da liderança direta da vaga?
  • Qual é o momento financeiro da empresa e do setor?
  • Qual é a cultura da empresa e do departamento?

Caso você faça perguntas, avance a uma etapa final do processo seletivo e, ainda assim, não tenha 100% de certeza sobre qual decisão tomar, tente agendar uma conversa extra para sanar potenciais dúvidas.

Fazer as perguntas certas chama atenção

Outra sugestão importante: antes de questionar quem te entrevista, vale investigar informações sobre a empresa e o mercado de atuação em canais da própria organização e em sites de notícias. Tenha apenas cautela e olhar crítico na hora de absorver informações de plataformas em que ex-colaboradores registram reclamações. Esses portais costumam ter informações muito relevantes, mas precisamos considerar que, algumas vezes, as pessoas fazem registros no calor dos acontecimentos.

Continua após a publicidade

Enfim, pergunte o que é importante para você estabelecer uma relação saudável com a organização. Ninguém é obrigado a aceitar uma oferta de trabalho sem dispor das informações necessárias. Só tenha atenção para, antes, conquistar a atenção e o interesse de quem te entrevista.

Os empregadores sabem que, hoje em dia, é comum os candidatos também entrevistarem os entrevistadores. Inclusive, já comentei aqui na Você RH que, na última rodada de entrevista com finalistas, alguns altos executivos abrem espaço para que os candidatos conduzam a conversa. Então, costumam se decidir pelo profissional que mais se destaca nessa missão.

Lembre-se disso no seu próximo processo seletivo.

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Você RH impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.