Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Isis Borge Diretora da divisão de recrutamento Engenharia, Supply Chain, Marketing e Vendas da Talenses

Como se preparar para uma entrevista por vídeo

Processos seletivos virtuais são o padrão durante a quarentena. Confira o que fazer para se sair bem na interação online

Por Isis Borge, colunista de VOCÊ RH Atualizado em 15 dez 2020, 13h35 - Publicado em 3 jul 2020, 08h00

A entrevista por vídeo entrou de vez na dinâmica dos processos seletivos. Minha primeira recomendação para se sair bem nesse formato de conversa é que o candidato estude sobre a empresa e o perfil e currículo do gestor da vaga. Busque informações da companhia no site da empresa e em notícias da imprensa. Procure entender o histórico da companhia, além de missão, visão e valores. As informações sobre a liderança podem ser vistas na rede social corporativa. E essas dicas valem também para todas as entrevistas presenciais.

Feito isso, se atente para os seguintes pontos:

Tempo estimado da entrevista

O tempo usual de uma entrevista é de 30 minutos a uma hora. É possível encontrar essa informação no convite virtual enviado pelo recrutador. Tenha esse tempo em mente para estruturar seus discursos e entender o nível de detalhe que deve ser abordado em cada resposta.

Aplicativo e conexão

Com antecedência, verifique qual é o aplicativo que será utilizado na entrevista, se há necessidade de algum download e confirme se você consegue acessar ao link fornecido. Aproveite para checar sua conexão à internet e, se ela apresentar falhas no período de teste, verifique uma segunda opção de rede para se conectar.

Plano B

Se a sua opção é fazer a conexão pelo notebook, verifique se a câmera e o som estão em perfeito estado. Porém, se possível, deixe o celular ao alcance e no modo silencioso, para poder utilizá-lo durante o bate-papo com o entrevistador, caso o computador apresente alguma falha que seja difícil de reparar.

  • Traje

    Esteja atento ao dress code (vestimenta) para a entrevista. Arrume-se, mas sem exageros. Não é adequado participar da entrevista vestindo uma camiseta amassada, mas também seria bem estranho estar com uma roupa muito social, considerando que todos estão em suas próprias casas. Opte por uma roupa discreta, mas tradicional e sem excessos de decotes e acessórios ou cores muito chamativas.

    Continua após a publicidade

    Concentração

    No momento da entrevista, escolha um local tranquilo, com fundo neutro e sem grande movimentação de pessoas. Feche todos os aplicativos e páginas extras do computador e deixe o celular no modo silencioso. Tenha por perto os carregadores do celular e do notebook. Sempre recomendo, também, que o candidato entre no aplicativo ou link indicado com cinco minutos de antecedência.

    Combinados com as pessoas que moram com você

    Se estiver cumprindo quarentena com outras pessoas, faça combinados para que elas não te interrompam. Porém, caso algum deles apareça no vídeo, não se apavore. A maior parte das pessoas está em um home office fora do ideal. Apenas desculpe-se e siga com a conversa. Lembre-se que os entrevistadores também estão com seus familiares em casa, muitos estão, inclusive, com crianças pequenas e acharão a situação normal.

    Postura

    Sente de uma forma ereta, sem cair na tentação de ficar com uma postura muito largada na cadeira. Quando estiver falando, olhe para a câmera. Enquanto o entrevistador estiver falando, atente-se à imagem dele para captar alguns sinais da expressão corporal.

    A última impressão

    No final da entrevista, se houver espaço, não deixe de esclarecer suas possíveis dúvidas. Aproveite para se colocar à disposição para os próximos passos. Caso tenha o e-mail dos entrevistadores, depois do bate-papo, envie uma mensagem simples agradecendo pelo tempo deles investido na entrevista.

    O contato visual continua sendo muito importante para que os empregadores conheçam mais sobre o perfil comportamental dos candidatos e, assim, possam fazer uma avaliação mais completa. Então, atente-se para todos os pontos levantados e procure ser natural na conversa. No momento certo, a oportunidade adequada vai vingar.

    Boa sorte!

    Isis Borge
    Divulgação/VOCÊ S/A
    Continua após a publicidade
    Publicidade