Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

A São Marco paga até 90% dos remédios a seus funcionários

Outros benefícios oferecidos ao quadro da empresa incluem vale-gás, convênio médico e odontológico, cesta básica e aulas de informática

Por Luiz De França Atualizado em 5 dez 2020, 20h48 - Publicado em 28 mar 2013, 11h46

Três Corações (MG) – Ela foi a primeira indústria brasileira a produzir fios magnetos esmaltados, lá pelos idos de 1946. Cinquenta anos depois, ao ser adquirida pelo grupo mexicano Xignux, a São Marco passou a investir na melhoria da gestão de seus funcionários. Conterrânea do rei Pelé, a mineira de Três Corações é considerada pelos empregados a melhor companhia da região.

“Dizer que trabalha na São Marco é motivo de orgulho e abre portas no comércio da região na hora de fazer uma compra ou pedir um crédito”, afirma um funcionário. Para os tricordianos, trabalhar na São Marco significa duas coisas: estabilidade no emprego e um bom pacote de benefícios.

Todos têm direito a vale-gás, convênio médico e odontológico, subsídios de até 90% para medicamentos, vale-leite, cesta básica, cesta de Natal e aulas de informática por meio do programa de inclusão digital. A empresa ainda oferece ajuda de 50% para os estudos do pessoal no nível operacional, de 75% para os supervisores e de 100% para os gerentes.

Atualmente, 41 pessoas usufruem desse benefício. No ano passado, foram investidos 178.000 reais em 509 cursos tanto para os colaboradores quanto para os terceirizados. Apesar de a São Marco não oferecer uma trilha de carreira definida, é possível identificar as competências exigidas para cada cargo e buscar — na área de recursos humanos — meios para tornar viáveis as movimentações verticais ou horizontais na companhia.

“Eu entrei em 2000 como operador de produção e hoje sou coordenador”, diz um gestor. No ano passado, houve 115 promoções, das quais seis foram para cargos de gerência e supervisão.

Preocupada em manter o bom clima que permite a alta satisfação de seus funcionários, a São Marco coloca na pauta das reuniões semanais entre coordenadores e supervisores o tema gestão de pessoas. Tem dado certo. Pelo terceiro ano consecutivo, a companhia marca presença no seleto time das melhores empresas para trabalhar no país.

PONTO(S) POSITIVO(S) PONTO(S) A MELHORAR
Os indicadores extraídos da pesquisa anual de clima são discutidos em reunião entre a diretoria e os líderes, transformando as melhorias em metas. Apesar de ser mexicana e ter empresas do mesmo grupo em outros países, não existe intercâmbio ou expatriação e o plano de sucessão é informal.
Continua após a publicidade
Publicidade