Assine VOCÊ RH por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Avaliação por competência acontece anualmente no Senac/SC

Os feedbacks de chefes e diretos para os funcionários são constantes

Por Bárbara Ladeia
Atualizado em 5 dez 2020, 20h49 - Publicado em 26 mar 2013, 16h36

Florianópolis (SC) – Com oito faculdades de tecnologia, 11 centros de educação profissional e três postos avançados, o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial de Santa Catarina (Senac/SC) tem a missão de unificar a linguagem e o estilo de gestão com a aplicação de uma política de comunicação transparente.

O acesso a chefes e diretores é bastante elogiado e os funcionários recebem feedback constantemente. “As equipes exigem que a gente esteja perto, dando retorno sobre as atividades e trazendo novas informações sobre o negócio”, diz um líder. Formalmente, a avaliação por competências acontece uma vez por ano e resulta no Plano de Orientação Profissional e Pessoal.

Em alguns casos, há líderes que estabelecem até um contrato informal por escrito, que enumera as competências e as habilidades com as quais o empregado se compromete a melhorar. Esse formato é entendido como uma cobrança mútua pelo melhor resultado. Para ajudar os profissionais a produzir com mais qualidade e conseguir cumprir o trato, o Senac/SC também usa a própria estrutura para oferecer educação continuada.

Os cursos relacionados à atividade principal do funcionário são gratuitos, e os demais, independentemente da área, podem ser feitos com 50% de desconto. Esse ambiente quase acadêmico faz com que a experiência e o conhecimento dos gestores sejam bastante valorizados. “Aqui existe admiração mútua entre chefes e subordinados. Isso resulta em um ambiente colaborativo”, afirma um dos liderados.

Continua após a publicidade

E a colaboração sai do campo profissional. No começo de 2011, todos foram convidados a enviar recursos para as vítimas das enchentes em Blumenau (SC). Quem optou por doar os 40 reais sugeridos pela empresa teve o valor descontado em folha de pagamento em quatro parcelas. A remuneração é outro quesito bem avaliado pelo time que trabalha em sala de aula.

“Nenhuma instituição paga o valor por hora que o Senac paga”, diz um profissional. No entanto, nas áreas ligadas à tecnologia o valor é considerado abaixo da média de mercado. 

PONTO(S) POSITIVO(S) PONTO(S) A MELHORAR
Os empregados participam de diversas ações sociais da empresa, como o Dia da Responsabilidade Social, com prestação de serviços de saúde para a comunidade. O pacote de benefícios deixa a desejar na visão do time. Os funcionários reclamam da falta de vale-refeição, por exemplo.
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

As empresas estão mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VOCÊ RH.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Você RH impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.