Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Como estas 6 cooperativas de crédito mantêm seus funcionários felizes

Em uma delas, a prática de horas extras é desestimulada e ninguém tem acesso aos sistemas da empresa após o fim do expediente

Por Você S/A Atualizado em 5 dez 2020, 20h48 - Publicado em 18 jan 2019, 14h00

SICREDI

Com expansão de 20% ao ano, a Sicredi aposta na conquista de um público maior, ainda não muito familiarizado com o funcionamento de uma cooperativa de crédito. A ideia é que, na crise, esse modelo de negócios possa ganhar vantagem por ser mais participativo e transparente com os associados. Para isso, um grupo de inovação foi criado dentro da PUC-RS, em Porto Alegre, para trabalhar no desenvolvimento do aplicativo Woop Sicredi. Outro desafio do grupo é o grande número de cooperativas associadas. As agências, espalhadas em mais de 20 estados, recebem visitas dos principais líderes da empresa a cada semestre para conversas e trocas de boas práticas. “A relação é aberta, sem aquela pressão de resultados a qualquer custo de um banco”, diz um dos funcionários. Para ajudar a consolidar as práticas em localidades tão diferentes, o sistema de carreira passou por uma boa revisão. Na intranet, mais de 800 cargos foram organizados de acordo com o perfil e as competências. Já a plataforma Sicredi Aprende torna fácil o acesso a treinamentos e cursos relevantes, que podem complementar aulas dadas presencialmente. Muitas vezes, os próprios funcionários alimentam a plataforma com conteúdo. | sicredi.com.br Visita: Bárbara Nór, em Porto Alegre (RS)


PONTOS POSITIVOS

Os agentes de clima, que organizam os eventos internos, promovem a proximidade entre os empregados. a empresa Também foi elogiada
pelo esforço em desburocratizar e criar sistemas de melhorias.


PONTOS A MELHORAR

Os programas de troca de práticas entre agências distantes poderiam ser expandidos, para que ocorressem com maior frequência. A coparticipação no plano de saúde é motivo de queixa entre os funcionários.


SICOOB CREDICITRUS

Depois de 30 anos com praticamente o mesmo corpo diretivo, a cooperativa de crédito passou por transformações radicais nos últimos 12 meses. O presidente mudou e, após um estudo da consultoria Deloitte, foram promovidas adaptações em processos e áreas. “Houve um choque de cultura no primeiro momento. Muita gente ficou tensa com as mudanças”, afirma um funcionário. Segundo os gestores, a comunicação foi pouco eficiente para controlar o clima de pânico interno. “Foi infundado, já que as alterações no quadro de pes­soas não foram tão profundas nos níveis operacional e de média gerência”, diz um gestor. Agora, passado o susto, as alterações são consideradas bem-vindas pelos profissionais, dos jovens aos líderes. “É comum que, depois de tanto tempo, transformações causem desconforto. Mas, no mundo de hoje, quem espera estabilidade encontra frustração”, diz Walmir Segatto, presidente da cooperativa. “Vemos oportunidade de crescimento e queremos construir isso com as pessoas”, afirma. Esse crescimento já começa a aparecer: em junho, a empresa atingiu o recorde de 1 bilhão de reais em capital social, que é a soma das cotas de capital de todos os seus cooperados. | credicitrus.com.br | ­Visita: Mariana Amaro, em Bebedouro (SP)


PONTOS POSITIVOS

Os gestores citam oportunidade de crescimento, ambiente de trabalho
e reconhecimento como pontos positivos. Para os profissionais, a agilidade nos processos e o pacote de benefícios são os pontos altos. 


PONTOS A MELHORAR

Clareza nos critérios de promoção e plano de carreira são algumas exigências. os funcionários cobram processo de avaliação de desempenho, feedback e plano de desenvolvimento individual mais maduros.


UNIPRIME NORTE DO PARANÁ


PONTOS POSITIVOS

A prática de horas extras é desestimulada e ninguém tem acesso aos sistemas da empresa após o fim do expediente. Para os funcionários do operacional, a empresa cresce graças ao bom ambiente de trabalho.


PONTOS A MELHORAR

A participação nos lucros depende apenas do desempenho de cada agência. Para os funcionários do operacional, o estabelecimento de metas individuais poderia ser um fator de competitividade e incentivo.

Continua após a publicidade


SICOOB CREDIRIODOCE

 

O conceito de cooperativismo já pressupõe uma união de esforços em torno de um objetivo comum. A Sicoob Crediriodoce leva isso a sério. Para a companhia, oferecer o melhor serviço a seus associados significa ter um time coeso. Para isso, a diretoria faz visitas às 18 agências da marca, com o objetivo de ouvir feedbacks e manter as políticas de RH uniformes em todas as unidades. Os recrutamentos internos são frequentes. “Conhecemos nossas pessoas. Primeiramente, a Sicoob procura preencher a vaga em aberto com alguém do próprio quadro de funcionários. Se não conseguirmos, aí vamos buscar no mercado”, revela Cantidio Carlos França Ferreira, presidente da coo­perativa. Os profissionais recebem folga no dia de aniversário e, por meio do projeto Aviso Legal, são estimulados a terminar a jornada de trabalho na hora certa — mensagens avisando que já estão próximos a cumprir seu expediente aparecem na tela do computador. Como ferramenta de capacitação, a Universidade Sicoob utiliza o sistema EAD com diversos cursos disponíveis para todos os empregados. “Os cursos virtuais ajudam muito. Podemos estudar nos horários disponíveis e em qualquer lugar”, diz um funcionário. | sicoobcrediriodoce.com.br | Visita: Frederico Machado, em Governador Valadares (MG)


PONTOS POSITIVOS

Elogios para o auxílio-creche ou auxílio-babá para as funcionárias que possuem filhos de até 6 anos. é preciso comprovar que a criança estuda em escola particular ou que a cuidadora tem carteira assinada.


PONTOS A MELHORAR

Trabalhadores do nível operacional, que ficam na linha de frente, gostariam
de participar mais da formulação de estratégias da cooperativa.  Hoje, eles não são in­­cluí­dos nesse processo.


SICOOB SÃO MIGUEL SC

Cooperativa de crédito com sede em São Miguel do Oeste, no extremo oeste de Santa Catarina, a Sicoob mantém um clima organizacional que vai na contramão da crise. Por lá, os funcionários estão trabalhando com positividade e otimismo. Uma das explicações para isso é o fato de a instituição estar em pleno crescimento, atravessando as divisas de Santa Catarina para abrir unidades no Rio Grande do Sul. Até o fim de 2018, as cidades de Lajeado, Nova Prata, Veranópolis e Carlos Barbosa deverão receber filiais da empresa. Isso vai gerar 50 novas vagas neste último trimestre e mais 60 em 2019, a maioria no setor de atendimento — porta de entrada da Sicoob. Para que os funcionários — novatos ou não — tenham oportunidades de crescimento, a instituição investe em programas de educação interna, que têm foco em desenvolvimento de competências comportamentais (como gestão de conflitos, empreendedorismo e espírito de equipe) e habilidades técnicas voltadas para o cooperativismo. Em 2017, 187 profissionais fizeram cursos desse tipo, somando 144 horas direcionadas para formação. Os gestores são cobrados pelo desenvolvimento das equipes e responsáveis por avaliar as trilhas de aprendizagem dos times. | sicoobsc.com.br Visita: Anderson Hartmann, em São Miguel do Oeste (SC)


PONTOS POSITIVOS

A cooperativa envolve todos os  empregados na definição de sua estratégia de negócio. os chefes se reúnem com suas equipes para conversar sobre o assunto e os líderes levam as demandas para a diretoria.


PONTOS A MELHORAR

O plano de carreira vigente foi elaborado há dez anos e poderia ser atualizado, a fim de atender aos desafios atuais do negócio e às demandas das novas gerações que ingressam no mercado.


SEGUROS UNIMED

Apesar da crise econômica no país, a Seguros Unimed fez 22 contratações e não passou por nenhum corte no primeiro semestre de 2018. Isso foi graças ao crescimento de 2% na área que é seu carro-chefe: o seguro-saúde. Para o último trimestre, a previsão é de 33 novas vagas. Internamente, o clima é de descontração, harmonia e orgulho na seguradora que atua nos segmentos de vida, saúde, odontologia e ramos elementares. O pacote de benefícios inclui auxílio­-creche e auxílio-babá para filhos menores de 6 anos, com reembolsos que chegam a 405 reais. Há também o Programa Aprender, que fornece subsídios para cursos de graduação, pós-graduação ou MBA. “Se eu relacionar todos os benefícios, você vai enviar o currículo para cá”, brinca um funcionário. A comunicação interna é outro ponto alto. A área tem como função garantir que pelo menos 80% dos empregados conheçam a identidade, os objetivos estratégicos, as competências organizacionais e as iniciativas de inovação e qualidade da seguradora. Neste ano, a empresa instituiu como meta de clima a todos os gestores a realização de, no mínimo, um feedback formal por semestre para suas equipes diretas. | segurosunimed.com.br |
Visita: Renata Costa, em São Paulo (SP)


PONTOS POSITIVOS

Os empregados sugerem inovações em produtos, serviços e processos a uma banca examinadora por meio do projeto Ideias de Valor. Os três mais bem avaliados recebem prêmios e são apresentados à diretoria.


PONTOS A MELHORAR

O programa de estágio foi formalizado apenas em 2017 e conta com 16 estagiários atualmente, em um quadro composto de mais de 1 000 profissionais. Ao todo, a empresa tem apenas 74 funcionários de até 26 anos.


Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês