Assine VOCÊ RH por R$2,00/semana
Continua após publicidade

O call center é o celeiro de profissionais da Unimed Rio

Antes de começar a trabalhar, os novatos do call center passam 45 dias em treinamento e recebem informações completas sobre a empresa

Por Michelle Aisenberg
Atualizado em 5 dez 2020, 20h49 - Publicado em 26 mar 2013, 16h48

Rio de Janeiro (RJ) – Líder do mercado de planos de saúde no Rio de Janeiro, a Unimed Rio nem pensa em parar de crescer. Até o final deste ano, irá inaugurar um novo hospital, o que implicará a contratação de mais de 1.200 empregados e a abertura de 400 novas vagas. Para quem já faz parte do time, a notícia é boa: a cooperativa tem como prática valorizar a prata da casa, e a expansão significa boas perspectivas de crescimento na carreira.

Para tornar esse processo ainda mais sólido e estruturado, a gerência-geral de RH iniciou no ano passado um ciclo de gestão de desempenho, com a revisão do modelo anterior e a distribuição de um manual que explica a nova metodologia e os detalhes do processo de avaliação, que passou a levar em conta competências e metas, feedback e o plano de desenvolvimento individual.

A mudança parece ter agradado principalmente aos funcionários que trabalham no call center, normalmente a porta de entrada dos jovens em seu primeiro emprego. É de lá que costumam sair novos talentos, disputados pelas demais áreas da empresa.

“Nosso call center é um celeiro de profissionais.  Eles passam 45 dias em treinamento antes de começar a operar e conhecem com detalhes toda a companhia. “É um clichê que deu certo”, diz Marcia Amorim, gerente-geral de RH.

Continua após a publicidade

Em 2011, a Unimed Rio promoveu 302 pessoas e movimentou 28 empregados por recrutamento interno. A cooperativa também investe em capacitação e todos precisam cumprir um banco de horas de treinamento definido previamente pelos gestores.

As aulas são ministradas em duas plataformas — e-learning e in company, como o Programa de Desenvolvimento de Gestores em Saúde, um curso de pós-graduação criado sob medida pela Universidade Gama Filho, que já está formando a sua quinta turma. A Unimed Rio oferece ainda bolsa para graduação aos funcionários que preencham os requisitos estipulados pela empresa. Hoje, 80 utilizam esse benefício. O auxílio não vale, porém, para aqueles que desejam fazer pós-graduação ou mestrado. 

PONTO(S) POSITIVO(S) PONTO(S) A MELHORAR
O funcionário é incentivado a crescer na carreira ao receber suporte por meio de ferramentas como coaching e análise de seu perfil comportamental. O valor de alguns benefícios, como o vale-refeição, está desatualizado. E a ala feminina, maioria na empresa, sugere licença-maternidade de seis meses.
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

As empresas estão mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VOCÊ RH.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Você RH impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.