Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

O trabalho começa no Angeloni com a Reunião do Bom Dia

É nesse momento que a base operacional da empresa toma conhecimento das metas e dos objetivos

Por Bárbara Ladeia Atualizado em 5 dez 2020, 20h49 - Publicado em 21 mar 2013, 15h30

Florianópolis (SC) – Faça chuva ou faça sol, todos os funcionários da rede de supermercados e postos Angeloni, com 23 lojas em Santa Catarina e no Paraná, começam o trabalho com a chamada Reunião do Bom Dia (ou Boa Tarde, para turnos que começam na segunda metade do dia).

É nesse momento que a maior parte do corpo operacional fica sabendo das metas, dos objetivos da empresa e do seu setor. A conversa é sempre com o líder imediato, e todos são estimulados a contribuir para o bom andamento dos serviços.

Nos níveis gerenciais, os discursos se afinam no Comitê de Negócios (Coneg), quando são também debatidas as questões relacionadas à imagem da Rede, ao atendimento ao cliente, à administração financeira e, principalmente, à gestão de pessoas.

A troca de experiências é estimulada na companhia. Quem quiser conhecer o trabalho do colega, por exemplo, pode se inscrever no programa Por um Dia, que permite ao funcionário passar um dia exercendo outras atividades. É uma forma de conhecer outra função antes de se candidatar a ela.

Os empregados se divertem e a migração de pessoas se torna mais eficiente. Todos que assumem um novo cargo passam ainda por treinamentos e workshops do Programa Tomada de Posto, uma imersão prática e teórica na nova função. Essa estrutura está disponível tanto para quem trabalha nas lojas como para os profissionais da rede de postos e lojas de conveniência.

Em 2011, a empresa investiu 800.000 reais em treinamentos. Como resultado, 850 profissionais foram promovidos. A estrutura familiar societária não parece interferir na evolução da gestão da Rede, que deve abrir mais três unidades e ampliar o quadro de funcionários em mais 900 vagas até o final do ano, levando a companhia a passar da marca dos 10.000 contratados.

Para dar suporte a esse crescimento, a área de gestão de pessoas mudou. O diretor comercial Álvaro Cordeiro passou a acumular a função de RH em 2009, elevando o simples departamento pessoal a um nível mais estratégico. 

PONTO(S) POSITIVO(S) PONTO(S) A MELHORAR
Os funcionários sentem total abertura para o diálogo e elogiam muito o restaurante das unidades e o talento das cozinheiras. Para completar a satisfação dos funcionários, ainda falta um desconto exclusivo em compras feitas nas lojas da rede.
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

App VOCÊ RH para celular e tablet, atualizado mensalmente

a partir de R$ 12,90/mês