Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

10 coisas que você precisa saber para trabalhar no Mercado Livre

Confira o que você precisa saber se quiser trabalhar no Mercado Livre

Por Mariana Poli Atualizado em 5 dez 2020, 20h58 - Publicado em 28 dez 2017, 09h00

Crescimento é assunto recorrente na filial brasileira do Mercado Livre, maior e-commerce da América Latina. Fundada na Argentina, a empresa vai de vento em popa por aqui.  Só no último trimestre as vendas no site saltaram 50,7% em relação ao mesmo período de 2016.

O faturamento, que chegou a 370 milhões de dólares, teve alta de 60%. Com 1 700 funcionários, a operação já responde por 50% dos ganhos globais da companhia, presente em 19 países.  

1. Escritório imponente
No ano passado, o Mercado Livre inaugurou uma ampla sede em São Paulo, apelidada de Melicidade, em referência à sua sigla na bolsa (Meli). Com 33 000 metros quadrados, o local tem academia, refeitório, atendimento bancário, manicure, áreas de lazer e 140 salas de reunião.

2. Chefia argentina
Ex-funcionários dizem, no site de avaliação Love Mondays, que há uma centralização de decisões na Argentina. Helen Menezes, gerente de RH, explica: “Toda a diretoria é de brasileiros. Mas temos estrutura matricial e nos reportamos a eles”.

  • Relacionadas

3. Rotina flexível

Desde que cumpra sua jornada, é o empregado quem faz o próprio horário. Para incentivar o home office, a empresa limitou o benefício de estacionamento a quatro dias; no quinto, entende-se que não é para o colaborador estar no escritório.

Continua após a publicidade

4. Trabalho pesado
Os funcionários do Mercado Livre reclamam da carga horária pesada. Ciente, a companhia tem um banco de horas rigoroso. A cada quatro meses, a pessoa é obrigada a tirar folgas (a opção mais incentivada formalmente) ou receber em dinheiro.

5. Empresa festeira
Toda última quinta-feira do mês é dia de happy hour na firma, com direito a drinques e comida à vontade. Além disso, o novo escritório vive abrindo as portas para eventos de empresas parceiras.

6. Time unido
O ambiente de trabalho colaborativo e a cultura informal são elogiados pelos empregados. Por lá, a regra é: competir em equipe para ganhar. “Deixamos claro que disputa só lá fora. Aqui dentro nós temos de colaborar uns com os outros”, diz Helen.

7. Rotação de área
É frequente ouvir de funcionários a expressão “beta contínuo”, que, na prática, significa estar sempre testando, aprendendo e melhorando. No Workplace, a rede social da organização argentina, é possível articular experiências em projetos de outras áreas ­— fazendo rotações informais dentro da companhia.

8. Protagonismo
No Mercado Livre, o profissional é dono da própria carreira (e não há caminhos predefinidos). Então, a primeira coisa para se dar bem e crescer é deixar registradas as intenções no sistema de metas e desenvolvimento.

9. Resiliência
Quem entra na companhia precisa saber que ela dá guinadas frequentes em processos e estruturas. Como o varejo eletrônico é um segmento nervoso, tudo muda a toda hora. Quem não tem capacidade de adaptação pode sofrer.

10. Crescimento rápido
O Mercado Livre vem aumentando o número de funcionários. No último ano, o quadro cresceu 44%. E a expectativa é seguir contratando. As áreas mais demandadas são atendimento ao cliente, comercial e TI.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

App VOCÊ RH para celular e tablet, atualizado mensalmente

a partir de R$ 12,90/mês