Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

10 coisas que você precisa saber se quiser trabalhar na MaxMilhas

A MaxMilhas, que surgiu em 2013 e hoje tem 400 funcionários, desenvolve os empregados para o futuro

Por marinaverenicz Atualizado em 5 dez 2020, 20h55 - Publicado em 14 ago 2019, 06h00

Encontrar uma maneira de economizar nas viagens foi o que levou o mineiro Max Oliveira a criar, em 2013, a MaxMilhas, que conecta consumidores que estão em busca de uma passagem aérea mais barata a pessoas que querem vender suas milhas e faturar uma grana extra.

A ideia fez sucesso e, até hoje, a empresa já negociou 40 bilhões em milhas e emitiu 4 milhões de passagens — o que representa 160 000 voltas ao mundo em milhagem aérea. Para dar conta da demanda, a empresa aumentou o quadro.

Nos últimos três anos, dobrou o número de empregados e, atualmente, 400 funcionários trabalham juntos no escritório da startup, em Belo Horizonte.

Foto: Divulgação | Toque para ampliar

*Estagiária sob supervisão da jornalista Elisa Tozzi

Continua após a publicidade
Publicidade