Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Por que diversidade importa? Diretora da Microsoft dá este exemplo prático

Glaucia Young saiu do interior de Goiás para liderar a equipe de defesa digital de uma das maiores empresas de tecnologia

Por Juliana Américo Atualizado em 5 dez 2020, 20h55 - Publicado em 14 fev 2020, 06h00

São Paulo – Embora as mulheres estejam avançando no mercado de trabalho, a área de tecnologia continua sendo uma barreira. Dados da Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex), revelam que, entre 2007 e 2017, o número de mulheres que trabalham no setor de TI caiu de 24% para 20%.

Mas a falta do sexo feminino nas equipes ultrapassa as questões de diversidade de gênero e pode afetar diretamente os negócios. Para Glaucia Young, diretora de engenharia de software da Microsoft, ambientes de trabalho diversos são importantes quando o assunto é desenvolvimento de projetos de cibersegurança.

“Tem um exemplo que aconteceu comigo há uns quatro anos. Eu estava trabalhando na equipe do Windows Defender e soubemos que o sistema de segurança não conseguia detectar boletos fraudados. Por ser brasileira, eu sei a importância do boleto no país. Por isso, liderei um trabalho sobre essa questão de malware bancário junto com outras empresas de segurança, Polícia Federal e bancos. Isso já gerou toda uma mudança, agora imagina o impacto de ter mais diversidade de cultura, gênero, raça, sexualidade e de pessoas de outros países na equipe”, afirma.

Glaucia nasceu em Pontalina, cidade no interior de Goiás, e teve o primeiro contato com a tecnologia durante um cursinho de computação que fez durante a adolescência. “Quando eu aprendi a programar, eu me apaixonei e a partir daí comecei a me interessar mais sobre tecnologia”.

  • Relacionadas
Continua após a publicidade

Formada em Ciências da Computação na Universidade Federal de Goiás, a executiva estava fazendo um mestrado na Unicamp quando soube que a Microsoft estava recrutando. “Eu pensei ‘por que não?’. Me candidatei e, para minha surpresa, comecei a passar nas fases do processo de seleção. Fui para os Estados Unidos pela primeira vez para fazer uma entrevista na empresa, recebi uma proposta e em 1998 comecei a trabalhar com a área de e-mails”, relembra.

Ela passou pelas áreas de e-mail, servidor, Windows Mobile, Windows Defender e segurança da nuvem. Hoje, ela comanda a equipe responsável por gerenciamento, dados, segurança e inteligência do Windows e Azure, em Redmond, Estados Unidos.

“Eu sempre falo nas minhas mentorias que a gente precisa ter coragem de aceitar os desafios, mesmo que pareçam complicados. Se você não fizer isso, vai perder várias oportunidades”, afirma e ressalta que esse pensamento tem que ser o mesmo para o caso das mulheres na tecnologia. “Se você só ficar falando ‘ah, mas é uma área muito masculina’ e não fizer nada, então esse cenário nunca vai mudar”.

Glaucia ainda falou para VOCÊ S/A que a área de cibersegurança está crescendo e demandando cada vez mais mão de obra. “A gente sente a falta de profissionais qualificados e tem uma guerra de talentos de segurança com outras empresas. Para se dar bem nessa área tem que ser curioso e estar disposto a aprender todos os dias”.

Está em dúvida sobre qual área de TI seguir?
Uma pesquisa feita na América Latina pela Panorama Search, associação global que reúne empresas de recrutamento executivo e obtida com exclusividade pela VOCÊ S/A, revela quais são os cargos mais relevantes no setor e indica as profissões com melhor perspectiva para as próximas décadas. Confira a matéria completa:

  • Relacionadas
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)