Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Golpe da vaga de emprego falsa na internet rouba dados de candidatos

Recentemente, a farmacêutica Roche detectou postagens de vagas falsas que extorquiam financeiramente os candidatos. Saiba como evitar esses golpes

Por Elisa Tozzi Atualizado em 23 mar 2021, 09h34 - Publicado em 21 mar 2021, 09h00

A busca por uma vaga de emprego está alta no Brasil. Afinal, o desemprego chegou a 13,9 milhões de pessoas no último trimestre de 2020, segundo o IBGE. Aproveitando-se da vulnerabilidade de pessoas que estão em busca de trabalho, criminosos divulgam vagas falsas para extorquir candidatos financeiramente e roubar dados pessoais.

Um caso recente aconteceu com a farmacêutica Roche, que identificou anúncios falsos para um suposto processo seletivo em uma fábrica da multinacional em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. As vagas, para auxiliar de logística e assistente de produção, foram postadas em sites de emprego e pediam que os candidatos preenchessem dados pessoais e pagassem uma taxa de 48 reais para comprar uma apostila e participar do processo seletivo. Além disso, o e-mail publicado nos anúncios ( roche.vagas.rj@gmail.com) não pertence à empresa.

Em nota, a Roche esclarece que “todos os processos de seleção no Brasil são realizados por meio de cadastro em nosso site oficial (www.roche.com.br). A Roche nunca cobra por participação em processos seletivos e nenhuma empresa está autorizada pela Roche a fazer cobranças para realizar entrevistas ou dinâmicas”.

Atenção aos sinais para não cair em golpes

Com a prática das vagas falsas se proliferando na internet, é bom ficar atento a alguns sinais para verificar a veracidade da oportunidade:

  • Desconfie de pagamentos de taxas. Empresas sérias não cobram pela participação em processos seletivos
  • Se a empresa tiver um site próprio, verifique se a vaga também está postada no site de carreiras da companhia ou se foi compartilhada nas redes sociais oficiais da empresa ou em veículos sérios da imprensa
  • Não compre nada. Em alguns golpes, o candidato recebe uma ligação ou e-mail logo depois de cadastrar seus dados pessoais para que adquira algum produto
  • Fique de olho a gramática. Muitos erros de português ou de digitação na descrição da vaga ou nos e-mails de comunicação são indicativos de que algo não está correto
  • Verifique os e-mails. Endereços de e-mail que não são corporativos podem indicar um problema

Precisa de indicações de vagas de emprego e de dicas sobre o mercado de trabalho? Acompanhe nossa editoria de Vagas, assine  VOCÊ RH e nos siga no LinkedIn e no Instagram.

 

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês