Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Os agentes da transformação

Veja quais são os 21 profissionais de recursos humanos que mais se destacaram na gestão de pessoas em 2015 no Brasil

Por Tatiana Sendin Atualizado em 5 dez 2020, 19h14 - Publicado em 15 abr 2016, 10h00

Eles buscam o melhor resultado para a empresa em que trabalham, têm um propósito de vida maior e não se deixam abalar por opiniões contrárias. Sabem defender seu ponto de vista e batalham pelo que acreditam. Mais do que de gestão de pessoas, são profundos conhecedores dos temas ligados ao negócio. 

Assim são definidos os líderes de recursos humanos que mais se sobressaíram no mercado em 2015 e, por isso, foram eleitos Os Profissionais de RH do Ano por esta revista. A lista dos vencedores da sétima edição do Prêmio VOCÊ RH você confere abaixo:

1. Atacado: Fabricio Alves Ferreira (Martins Atacadista)

2. Autoindústria: Denise Andrade (Goodyear)

3. Bancos e Serviços Financeiros : Glaucimar Peticov (Bradesco)

4. Bens de Consumo/ Alimentos e Bebidas: Raquel Carneiro (Fonterra)

5. Bens de Consumo/Higiene e Beleza: Alessandra Ginante (Avon)

6. Comunicação: Claudia Falcão da Motta (Grupo Globo)

7. Construção: José Renato Domingues (Tigre)

8. E-commerce: Sergio Povoa (Netshoes)

9. Educação: Fábio Lacerda (Kroton)

10. Eletroeletrônico: Andrea Clemente (Whirlpool)

11. Energia: Fabricia Abreu (Elektro)

12. Farmacêutico: Simone Albuquerque (Boehringer Ingelheim)

13. Indústria Digital: Alessandro Bonorino (IBM)

Continua após a publicidade

14. Indústria Diversa : Ana Lucia Caltabiano (GE)

15. Papel e Celulose: Carlos Alberto Griner (Suzano)

16. Química e Petroquímica: Luciana Domagala (Ultrapar)

17. Serviços de Saúde: Miriam Branco da Cunha (Hospital Albert Einstein)

18.  Serviços Diversos: Henrique Gonzalez (Comitê Olímpico)

19. Telecomunicações: Giovane Costa (Telefônica)

20. Têxtil: Alessandra Morrison (Hering)

21. Varejo: Marcelo Nóbrega (Mcdonald’s)

Os eleitos foram escolhidos com base em uma lista com mais de 300 nomes preparada pela equipe da VOCÊ RH. 

O arquivo foi enviado por e-mail aos 11 jurados (conheça o júri na página 50), que, por sua vez, elegeram o executivo que mais chamou a atenção pelo bom trabalho em gestão de pessoas durante 2015, em cada um dos 23 setores econômicos apresentados. 

Pela primeira vez desde que o prêmio é realizado, os segmentos de educação e comunicação entraram para a lista. Por outro lado, duas categorias foram eliminadas por falta de um nome em destaque: transporte e logística, e siderurgia e metalurgia. 

Por fim, 21 líderes de recursos humanos foram vitoriosos em seus setores. Dentre esses, coube ao júri indicar O Melhor Profissional do Ano. O reconhecimento foi para Carlos Griner, diretor executivo de RH da Suzano, vencedor na categoria Papel e Celulose nos últimos quatro anos. 

Os jurados sugeriram ainda um presidente de empresa que mais apoiou a gestão de pessoas durante 2015 para ser o CEO Parceiro do RH. O nome mais lembrado foi o de Walter Faria, do Martins Atacadista.

Para Luiz Carlos de Queiróz Cabrera, sócio da AMROP Panelli Motta Cabrera e um dos jurados pioneiros do Prêmio VOCÊ RH, os Eleitos de 2015 são “agentes de transformação”. “Todos estão procurando migrar do estágio de alinhamento estratégico para um mais avançado, o de contribuição para os negócios”, afirma o headhunter com 40 anos de experiência. Para ele, os profissionais têm uma característica principal: conhecem profundamente o negócio.

Mais do que isso, diz Sofia Esteves, presidente do Grupo DMRH e que integra a lista de jurados desde 2009, os vencedores são pessoas fortes, que assumem seus pontos de vista. “Não se deixam engolir pela necessidade ou pela imposição de pares ou do exterior. Querem fazer a diferença e se preocupam de fato com a organização”, diz. Outro ponto em comum: colocam a mão na massa quando se trata de gestão de pessoas.

Continua após a publicidade
Publicidade