Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

A Unimed Londrina subsidia graduação e pós há 13 anos

Aproximadamente 67% do quadro da companhia já se valeram desse benefício

Por Lucas Rossi Atualizado em 5 dez 2020, 20h49 - Publicado em 21 mar 2013, 14h51

Londrina (PR) – Enquanto o Brasil se prepara para receber a próxima Copa do Mundo, a Unimed Londrina investe para se tornar a melhor cooperativa médica do país até 2014. E, para chegar lá, tem feito algumas mudanças. No ano passado, implementou a distribuição dos lucros e um novo modelo de cargos e salários.

Alguns benefícios mais simples, como a folga no dia do aniversário, a extensão do auxílio-creche para os homens e o plano de saúde para os estagiários, complementam o pacote. Mas não é de hoje que a cooperativa investe em seu time. Há 13 anos, a Unimed Londrina paga de 20% a 60% da graduação e da pós-graduação de seus funcionários que tenham, no mínimo, um ano de empresa.

Mais de 300 empregados já se valeram desse benefício, o que equivale a 67% do quadro da companhia. “Com tantos estudos, algumas pessoas sentem que o cargo está abaixo do nível de formação”, diz um profissional. Isso, porém, não aumenta a rotatividade de pessoas, que gira em torno de 16% ao ano.

Outro exemplo de desenvolvimento é que 63% da alta liderança começou nas bases, o que serve de inspiração para quem está começando. A liderança é estimulada a investir 30% de seu tempo na gestão de suas equipes, como forma de incentivar cada um a investir na carreira dentro da cooperativa e, assim, garantir a retenção dos profissionais. “Sabemos que para crescer precisamos preparar os sucessores”, diz um líder.

Pensando na sucessão, a empresa passou a oferecer aos analistas o mesmo treinamento de liderança que os gestores recebem. “Estamos nos preparando para o futuro”, diz Lúcia Baum, gerente de RH. Distribuída em três prédios, em Londrina, a cooperativa deverá migrar para um novo edifício — já em construção — até março de 2014. Já era hora.

Os funcionários reclamam que falta espaço no refeitório e para treinamento. Faltam dois anos para a Copa, mas a Unimed Londrina já fez um gol: entrou pela primeira vez no Guia das Melhores Empresas para Você Trabalhar. 

PONTO(S) POSITIVO(S) PONTO(S) A MELHORAR
Para disseminar a estratégia, a empresa reúne todos os funcionários no início do ano e, a cada três meses, os gestores se encontram para acompanhar as metas. A empresa não oferece previdência privada e alguns funcionários acreditam que, por ser do ramo de saúde, a licença-maternidade deveria ser de seis meses.
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

App VOCÊ RH para celular e tablet, atualizado mensalmente

a partir de R$ 12,90/mês