Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Na Master, a remuneração é a mais alta da região

Gestores escolhem representantes entre os funcionários para facilitar comunicação entre as equipes

Por Tatiana Sendin Atualizado em 5 dez 2020, 20h49 - Publicado em 21 mar 2013, 17h22

Caxias do Sul (RS) – Na Master, fabricante de freios automotivos, estudar é preciso — e incentivado. No ano passado, a empresa criou a figura do representante de equipe dentro da fábrica: a cada ano, o gestor escolhe um empregado para ser o representante e ele passa a agir como um líder de equipe, responsável por passar aos demais o conhecimento que recebe nas 200 horas de treinamentos técnicos e comportamentais durante 12 meses.

Uma motivação e tanto para todo o grupo. “Tem gente que estava há anos sem estudar e agora, como representante, está finalizando o Ensino Médio ou fazendo faculdade”, diz um gestor. O programa fez tanto sucesso que passou a ser adotado também no nível administrativo, nos mesmos moldes.

“Hoje, existem 72 representantes de equipe de todas as áreas”, afirma Adriano Giacomelli, gerente administrativo e de RH. Em 2011, a Master também criou um comitê de funcionários para discutir as ações de qualidade de vida. A companhia já tinha o programa De Bem com a Vida, responsável por campanhas de segurança, alimentação saudável e antifumo.

Mas a expectativa é que o comitê de funcionários traga ações mais personalizadas para o grupo. Assim como as outras empresas do Grupo Randon presentes neste Guia, a Master preza também pela qualidade dos benefícios. Oferece plano de saúde, ônibus para transporte dos empregados, previdência privada, programa de preparação para a aposentadoria. E ainda organiza torneios de esporte, passeios e viagens.

De acordo com os profissionais, a remuneração e o programa de participação nos resultados (PPR) são os mais altos da região de Caxias do Sul (RS), onde fica a sede. “Para um salário de 1.000 reais, a PPR chega a dar 3.000 reais”, diz Adriano. As oportunidades de crescimento também são boas.

Para se movimentar na carreira, os funcionários se inscrevem nas vagas abertas internamente, inclusive nas anunciadas por outras fabricantes do grupo, e participam do programa de sucessão, para assumir cargos de coordenadores, gerentes e diretores. por Tatiana Sendin, de Caxias do Sul (RS)

PONTO(S) POSITIVO(S) PONTO(S) A MELHORAR
A empresa se preocupa com a segurança, a saúde,a família e a sociedade, e tem um programa para incluir pessoas com necessidades especiais. A cultura do trabalho em equipe é tão disseminada que o conhecimento acaba ficando nas mãos dos indivíduos, e não da empresa. Falta formalizar processos.
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

App VOCÊ RH para celular e tablet, atualizado mensalmente

a partir de R$ 12,90/mês