Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Quais são as motivações para mudar de emprego em 2021?

Pesquisa divulgada com exclusividade por VOCÊ RH mostra que há desejo por conhecer novas áreas e insatisfação com as chances de crescimento atuais

Por Elisa Tozzi 1 mar 2021, 13h53

O que leva as pessoas a quererem mudar de emprego mesmo em um ano difícil, de desemprego em alta, como o de 2021? Foi para responder a essa pergunta que a Intera, HRtech de recrutamento digital, ouviu mais de 23.000 profissionais de todo o Brasil.

Os entrevistados podiam escolher mais de uma alternativa, mas os resultados mostram que há insatisfação com a área de atuação e vontade de conhecer uma nova empresa, por exemplo. A maioria dos respondentes (53%) deseja trabalhar em uma outra empresa que atue em outra área; 47% querem sentir o desafio de trabalhar em uma nova empresa e 34% dizem não ter oportunidade de crescimento no emprego atual.

Para Paula Morais, cofundadora da Intera, a pandemia da covid-19 aqueceu alguns setores (como os de logística e delivery) e isso deve ter estimulado os profissionais a desejar atuar em companhias que estão em segmentos que crescem mesmo na crise. Leia a entrevista completa a seguir.

De acordo com o levantamento a principal motivação para trocar de emprego é a vontade de mudar de setor. Por que isso acontece?

A pandemia teve um grande impacto sobre a forma como as pessoas se relacionam com seus empregos. Ao aderir ao isolamento social, o trabalho literalmente entrou pela porta de casa dos profissionais. Esse movimento fez com que muitas pessoas se questionassem se aquilo que elas estavam levando para casa fazia sentido ou não, buscando uma mudança de setor.

Além disso, algumas áreas foram mais afetadas do que outras pela crise oriunda da pandemia. Setores como logística, delivery, entretenimento online e e-commerce tiveram um crescimento significativo, enquanto outras, como eventos e turismo, foram prejudicadas pela crise. Buscar vagas em áreas que estão em crescimento é uma forma de fugir do desemprego e garantir mais oportunidades de desenvolvimento.

Continua após a publicidade
  • Quais cuidados os profissionais devem tomar para não imaginar que um novo setor é a solução para todas as desilusões com a profissão?

    É preciso ter a consciência de que toda profissão, toda área e toda empresa tem pontos positivos e pontos negativos. Tudo que é novo requer um processo de adaptação, e é necessário estar aberto a novas experiências e entender que frustrações podem acontecer.

    Um bom caminho para evitar esse sentimento é escolher trabalhar ao lado de pessoas e empresas nas quais você acredita e que compartilham dos mesmos princípios que os seus. Busque entender para qual caminho anda o mercado e como isso se relaciona com o desafio que quer enfrentar no seu momento de carreira. Ainda que existam frustrações com o operacional do dia a dia, ter alinhamento cultural com o novo setor e estar motivado com os desafios da empresa ajuda a evitar desilusões.

    A falta de espaço para crescer também aparece como um dos gatilhos para a troca de empresa. O que as empresas precisam fazer para evitar perder bons profissionais que não se sentem valorizados?

    O cenário da grande maioria das empresas hoje, principalmente das startups, é de grande incerteza. São ambientes que mudam diariamente e, por vezes, acaba sendo difícil ter clareza dos próximos passos, prever qual será o cenário da empresa em um período superior a seis meses. E isso acaba dificultando um plano de ação no sentido de construção de iniciativas para reter colaboradores.

    Esse é o maior desafio das empresas e grande maioria delas ainda está aprendendo como solucionar isso. Como consigo construir uma lógica de plano de carreira e desenvolvimento dos colaboradores, visando fazer com que eles queiram crescer dentro da empresa, em um cenário de mudanças e incertezas? A estratégia para isso acaba sendo diferente para cada empresa, porque cada uma tem suas particularidades, mas o principal aspecto que deve ser observado é a transparência. Os profissionais precisam saber quais são as perspectivas da empresa e quais oportunidades de crescimento eles terão lá dentro, para que saibam o que os espera pela frente.

    Precisa de indicações de vagas de emprego e de dicas sobre o mercado de trabalho? Acompanhe nossa editoria de Vagas, assine  VOCÊ RH e nos siga no LinkedIn e no Instagram.

    Continua após a publicidade
    Publicidade