Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Futuro do RH: benefícios flexíveis fazem a diferença nas empresas

Inovações no mercado facilitam o seu cotidiano e trazem opções aos colaboradores, como educação financeira e cartões com VA, VR, entre outras vantagens

Por Abril Branded Content Atualizado em 26 Maio 2022, 14h20 - Publicado em 26 Maio 2022, 18h30

A área de recursos humanos é determinante dentro de uma empresa, afinal, ela é responsável pelo seu bem mais importante: os funcionários. Por isso, seu trabalho é essencial para a lapidação dos profissionais e resvala em todas as etapas do funcionamento da companhia. E hoje, diante de um cenário do mercado de trabalho marcado pela evolução acelerada e constante da tecnologia, que depende do surgimento de novos profissionais com habilidades específicas e da requalificação de outros talentos, ela passou a ter um papel ainda mais estratégico.

PREOCUPAÇÕES DO RH DO FUTURO

Todo esse contexto leva o RH a lidar cada vez mais com processos decisivos na preparação e no cotidiano dos colaboradores, como:

  • lifelong learning, ou seja, a necessidade de os trabalhadores estarem sempre aprendendo algo novo;
  • upskilling, a busca do indivíduo para aprimorar seus conhecimentos em áreas nas quais já está inserido;
  • reskilling, quando ele se empenha em assimilar novas competências para se requalificar ou se reposicionar na corporação;
  • saúde mental do colaborador, fator importante para a estrutura psicológica, o autoconhecimento e a produtividade do funcionário.

COMO OS BENEFÍCIOS FLEXÍVEIS IMPACTAM?

Além de investir no treinamento dos profissionais, o departamento de recursos humanos tem que se empenhar em oferecer vantagens e cuidados para que eles se sintam satisfeitos e motivados no local de trabalho, reduzindo o turnover. E é aí que entram os benefícios flexíveis. Ao contrário das vantagens fixas, aquelas que são definidas por lei e que precisam ser seguidas por todas as empresas, como o 13º salário e a folga semanal remunerada, as flexíveis variam de entidade para entidade e são um diferencial competitivo na hora de contratar e reter um profissional.Elas impactam a saúde mental dos colaboradores e ainda trazem informações relevantes para o People Analytics.

O método consiste em analisar dados dos colaboradores para aperfeiçoar a gestão do RH, tem sido apontado como uma forte tendência para o setor nos próximos anos e já está presente nos principais players do mercado. O People Analytics é muito importante para a tomada de decisão do profissional de RH. Facilita a antecipação de tendências e a criação de estratégias dentro da companhia. Mas como os benefícios flexíveis podem se tornar dados importantes para o People Analytics? É possível a empresa conhecer melhor as pessoas que trabalham nela baseando-se nos itens que os funcionários destacam como mais importantes entre os benefícios, por exemplo.

Ademais, não faltam dados mostrando como os benefícios são determinantes. Segundo uma pesquisa realizada com 1 500 funcionários CLTs do Brasil, em dezembro de 2021, pela Creditas, startup do segmento de serviços financeiros, 71% dos participantes afirmaram que analisam os benefícios e, se não estiverem satisfeitos, pedem aumento de salário. Além disso, 76% não estão totalmente satisfeitos com os benefícios recebidos e 92% gostariam de ter um cartão único de benefícios. O levantamento revelou ainda que 83% dos colaboradores enxergam flexibilidade como fator decisivo ao escolher uma proposta de emprego, 83% dos profissionais satisfeitos com os benefícios são vistos como produtivos, 25% dos que trocaram de emprego nos últimos dois anos fizeram isso por conta do pacote de benefícios e 70% afirmaram que uma ampla gama de benefícios aumentaria a fidelização à empresa.

Continua após a publicidade

FINANÇAS PESSOAIS ATINGEM COLABORADORES

E se somarmos às preocupações do RH a educação financeira dos colaboradores? Ela é determinante para a produtividade, o bem-estar e a qualidade de vida dos profissionais. Levantamentos já mostraram que 19% deles produzem menos quando têm contas em atraso, 32% fazem trabalho extra quando falta dinheiro e 37% buscam um novo emprego para pagar as contas e quitar suas dívidas.

Além disso, os profissionais gastam 1,5 hora diária para resolver problemas financeiros pessoais e têm 1,5 vez mais chance de ter problemas com seus relacionamentos profissionais quando estão enfrentando esse tipo de situação. E não para por aí: a preocupação com o dinheiro afeta diretamente sua saúde, levando a 8,8 vezes mais risco de ter insônia, 4,9 vezes mais risco de sofrer depressão e 3,8 vezes mais possibilidade de ter ataque de pânico.

UMA NOVA MANEIRA DE FORNECER BENEFÍCIOS

Para o RH é um desafio gerenciar todos esses fatores, e, por isso, poder contar com parceiros é essencial. A Creditas é um exemplo disso, pois decidiu trazer a sua expertise em educação financeira para a gestão dos recursos humanos, promovendo novas soluções para esse mercado. E isso é possível por meio da Creditas @Work, a primeira carteira de benefícios do RH que envolve a área de finanças pessoais, com um programa de educação financeira, empréstimo consignado privado com parcelas descontadas na folha de pagamento e os menores juros do mercado, antecipação salarial, entre outras vantagens.

Ela também possibilita que o colaborador tenha cartão de benefícios flexíveis com bandeira Mastercard que oferece as categorias de vale-refeição e alimentação, mobilidade, home office, cultura, educação e bem-estar. A carteira também prevê saúde e prevenção, com plano de saúde e odontológico, seguro de vida, além da previdência privada com planos e fundos exclusivos e taxas de administração até 50% mais baixas. Ele conta ainda com parceiros, como o Sem Parar e a rede de farmácias Pague Menos para aproveitar descontos e vantagens, e um e-commerce exclusivo no qual o valor das compras é abatido em parcelas do salário do colaborador, a Creditas Store.

Todas as vantagens proporcionadas pelo Creditas @ Work não têm custo para a companhia, e ela é personalizável, ou seja, os benefícios podem ser escolhidos de acordo com a realidade e a necessidade dos colaboradores da empresa. A gestão dos benefícios é facilitada por meio de uma única plataforma na internet que concentra todos os itens em um só lugar totalmente gerido pela Creditas. Com isso, a necessidade de o RH ter que lidar com vários fornecedores diferentes é reduzida, diminuindo a burocracia e a mão de obra. Assim, permite que o departamento possa focar mais o seu viés estratégico, o que é extremamente bem-vindo, já que conhecimento e habilidades nunca exerceram um papel tão determinante nas organizações como atualmente, afinal, a atenção diferenciada com os funcionários deixa o ambiente de trabalho mais  saudável e atrativo.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)