Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

“Pessoas devem se sentir seguras para ser quem são”, diz VP da Bayer

André Kraide, vice-presidente de RH da Bayer, defende a importância de uma forma de diversidade fundamental, mas menos discutida nas empresas: a cognitiva

Por Letícia Furlan Atualizado em 26 abr 2022, 10h31 - Publicado em 1 abr 2022, 05h27
F

oi em agosto de 2021 que a vida de André Kraide mudou completamente. O brasileiro, que ingressou na Bayer em 2005 depois de cinco anos na Monsanto, vivia em Cingapura, onde ocupou os cargos de vice-presidente de marketing para a Ásia e o Pacífico e depois de vice-presidente de negócios para o Sudeste Asiático e o Paquistão. Até que recebeu a proposta para voltar ao Brasil e realizar um sonho: atuar na área de recursos humanos. É que, desde 2009, André anotava em seu plano de carreira que uma de suas prioridades era migrar para o RH.

Na nova área, o executivo encarou o primeiro desafio: “Tentar trazer para a rotina a minha experiência como líder de pessoas ao longo das últimas décadas em ambientes multiculturais”, afirma. Afinal, já atuou em várias capitais brasileiras e no México, além de Cingapura. No Sudeste Asiático, ele teve a oportunidade de participar do processo de ascensão de uma mulher ao posto de presidente da Bayer CropScience no Paquistão. “Na época, ouvi diversos comentários dizendo que isso era arriscado para a cultura daquele país. Mesmo assim, achei que deveríamos seguir. No fim, conseguimos, e foi um grande sucesso”, diz, acrescentando que a diversidade e a inclusão, sobretudo de gênero, são temas bastante discutidos na região.

O desafio

Para André, uma de suas missões no RH da Bayer é fortalecer a cultura de valorização dos profissionais. “Queremos fazer com que os líderes deem às pessoas o mesmo valor que dedicam aos negócios”, afirma. Para isso, o executivo acredita que permitir que as pessoas se sintam seguras para expressar sua essência é fundamental. “A autenticidade ajuda muito!”, diz ele, que define seu estilo pessoal como “bastante rock’n roll”, já que, desde os 14 anos, mantém o hobby de atuar como vocalista de bandas de rock. “Acho importante criar um clima que estimule o sentimento de ‘seja você mesmo’, em que a vulnerabilidade deixa de ser um tabu”, afirma. “A liberdade de expressão é uma fonte de diversidade poderosa. Todos devem se sentir confortáveis em dizer o que pensam e, assim, contribuir com ideias.”

Continua após a publicidade

Outro desafio de André à frente do cargo é acelerar a transformação digital na companhia. “A inteligência artificial, por exemplo, pode nos dar uma visão de futuro, nos orientando para onde temos que direcionar nossos esforços como RH”, afirma o vice-presidente.

Um exemplo é que, nos últimos meses, a Bayer vem trabalhando na adoção de uma nova tecnologia para prever a probabilidade de um funcionário deixar a empresa. Trata-se de uma ferramenta que integra todos os dados de desenvolvimento e performance de funcionários, como tempo de casa, posição salarial e promoções recentes, além de outros indicadores. E, a partir dessas informações, o sistema chega a uma porcentagem que indica a probabilidade de rotatividade, que pode ajudar a embasar planos de ação. “Se identificarmos um indivíduo com 80% de risco de pedir demissão, por exemplo, conseguimos atuar pontualmente e tentar entender o porquê disso e, quem sabe, evitar essa perda”, afirma André. “Além disso, utilizamos essas informações para ajudar também o gestor a manter seu time engajado.”

Compartilhe essa matéria via:

Esta reportagem faz parte da edição 79 (abril/maio) de VOCÊ RH.

Clique aqui para se tornar nosso assinante

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue no caminho para se tornar uma referência. Assine VC RH e continue lendo

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VOCÊ RH! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VOCÊ RH, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Pautas fundamentais para as lideranças de RH.

Cobertura de cursos e vagas para desenvolvimento pessoal e profissional.

Receba todo bimestre a VOCÊ RH impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VOCÊ RH, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês