Assine VOCÊ RH por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Quase 80% dos trabalhadores não têm engajamento

Um relatório recente da Gallup, com base em 160 países, mostrou que a maioria dos profissionais quer mudar de emprego.

Por Letícia Furlan
3 jul 2023, 18h10
A

crise do engajamento é global. É o que afirma um relatório da Gallup, representada pela consultoria Ynner no Brasil, que levou em consideração dados de abril de 2022 a março de 2023 de mais de 160 países. 77% dos trabalhadores sentem-se desengajados e 51% deles procuram um novo emprego.

No Brasil, a situação também é tensa e o número não é muito menor: 72%. “É ainda bastante impactante, já que os estudos mostram alta correlação entre engajamento e desempenho econômico-financeiro”, afirma Yuri Trafane, CEO da Ynner.

Além disso, o relatório observou uma relação entre estresse e engajamento. Enquanto 30% dos funcionários engajados disseram se sentir muito estressados, esse número saltou para 56% entre aqueles desengajados. 

Uma análise da Gallup também percebeu que um funcionário engajado precisa de um aumento salarial de 31% para considerar trocar de emprego. Enquanto isso, o desengajado precisa de um aumento salarial de apenas 22% para deixar seu trabalho atual.

Continua após a publicidade

E o problema pode estar nos gestores, afirma Trafane. “Vemos uma liderança sem as competências adequadas para engajar os liderados, o que é extremamente perigoso, já que 70% na variância do engajamento é explicada pelo comportamento do superior imediato”, diz. 

Mas isso não quer dizer que a situação esteja piorando de uns anos para cá. Pelo contrário. Em 2012, 87% das pessoas estavam desengajadas. “As empresas vêm investindo na capacitação das suas lideranças, o que está contribuindo para a melhoria. Mas a situação ainda é preocupante”, conclui o especialista.

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

As empresas estão mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VOCÊ RH.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Você RH impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.